• Diamante FM

IPVA de 2022 em MS deve subir até 20% para donos de carros e motos

Atualizado: Set 9


Donos de carros, motos e caminhões devem se preparar para uma surpresa nada agradável em 2022. Um dos efeitos menos esperados da pandemia mundial de Covid-19 foi a valorização dos veículos em todo o Brasil. Em Mato Grosso do Sul não foi diferente e o aumento na avaliação dos automotores deve elevar também o valor do IPVA (Imposto sobre


Propriedade de Veículos Automotores) do próximo ano. As simulações realizadas apontam, facilmente, altas acima de 20%, caso sejam mantidos os índices atuais praticados pelo Governo de Mato Grosso do Sul. O Estado, ao contrário de outras unidades da federação, cobra o imposto de veículos com até 20 anos de uso. Ou seja, carros fabricados a partir de 2002 não escapam da lista do próximo ano. Com a pandemia, houve escassez de materiais e paralisação na produção da indústria automotiva. Assim, com menos oferta, o preço subiu. Os modelos de carro mais baratos disponíveis passam de R$ 40 mil já nas versões básicas, sem opcionais como ar-condicionado ou direção assistida, por exemplo. Assim, muitos consumidores passaram a procurar modelos seminovos, que por isso também tiveram alta nos preços médios. Como resultado, a avaliação na tabela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), utilizada como referência do mercado automotor, registrou entre fevereiro de 2020, mês anterior à pandemia, e julho de 2021, alta de 19,9% entre os zero quilômetro e os usados, independentemente do modelo, 24,4% de aumento no preço médio.

A tabela do IPVA 2022 deve ser divulgada entre novembro e dezembro, por isso os valores de referência dos veículos podem subir ainda mais. O Governo do Estado, que nos últimos anos manteve as alíquotas do IPVA sobre os veículos, poderia alterar os índices para diminuir os valores. No entanto, desde 2015, Mato Grosso do Sul passou a cobrar IPVA dos veículos com até 20 anos de uso. Antes, os automóveis, motocicletas, ônibus e caminhões ficavam isentos a partir dos 15 anos de uso. Atualmente, a lista de isenção do IPVA em MS inclui:

  • Carros de passeio mantêm a isenção total no primeiro ano.

  • Veículos adaptados para pessoas com deficiência.

  • Veículos com potência menor que 50 cilindradas.

  • Veículos usados como táxis.

  • Máquinas agrícolas.

  • Embarcação de pescador profissional, pessoa física, por ele utilizada individualmente na atividade pesqueira.

  • Ônibus de transporte coletivo urbano, que tenha rampa ou outro equipamento especial de ascenso e de descenso para deficiente físico.

  • Triciclo e o quadriciclo de uso individual para pessoa com deficiência.

  • Veículos destinados exclusivamente ao socorro de feridos e doentes e os destinados ao combate de incêndios, quando não pertencente à pessoa imune.

Além disso, segundo dados oficiais do Governo de MS sobre o IPVA, também são isentos da cobrança do Imposto Veicular em Mato Grosso do Sul veículos aéreos, aquáticos e terrestres que pertencem ao Governo em qualquer esfera, das autarquias e fundações instituídas e mantidas pelo poder público, os dos partidos políticos, sindicatos, de templos de qualquer religião, das instituições de educação e assistência social sem fins lucrativos e veículos das missões diplomáticas oficiais. Um jeito fácil de saber o valor de avaliação do seu veículo é acessando a Tabela Fipe, localizar o modelo e o ano e efetuar o cálculo, multiplicando o valor do bem pela alíquota aplicável e dividindo o resultado por 100.

0 visualização0 comentário