• Diamante FM

Novo vídeo viraliza e mostra ônibus da dupla Conrado e Aleksandro segundos antes do acidente

Atualizado: 12 de mai.


Um novo vídeo, que viralizou na internet, mostra o ônibus da dupla Conrado e Aleksandro, segundos antes do acidente. Pelas imagens, é possível ver que o veículo passa pela rodovia e, em seguida, um estrondo é escutado. Pessoas inclusive correm em direção ao local e uma mulher, repetidamente, diz “o que que é isso, o que é isso?”.


O vídeo foi publicado no Youtube, assista:


Logo após a colisão, um primeiro vídeo passou a circular pelas redes sociais. Nas imagens, uma pessoa fala que o ônibus, possivelmente, percorreu em alta velocidade a rodovia Régis Bittencourt, na altura de Miracatu, interior de São Paulo, chegando a 140 km/h.


Depois acontece um acidente e colocam a culpa sempre em outra coisa, mas a imprudência fala mais alto aqui! Ultrapassa caminhões como se fosse um carro pequeno”, diz o motorista que fez o registro, que não teve o nome divulgado.


No entanto, a assessoria de imprensa da dupla assegurou que o vídeo NÃO é recente. Ele, na verdade, foi gravado em 2019. “Esse vídeo nós já havíamos recebido no final de 2019. Não se trata de um vídeo do momento de um acidente. A divulgação desse vídeo nesse momento, além de desrespeitosa, é extremamente leviana”, disse o advogado da dupla em entrevista ao “Domingo Espetacular”, Record TV, do último domingo (8).


O cantor João Vitor Moreira Sales, conhecido como Conrado, apresentou melhora progressiva da função renal, conforme o último boletim divulgado pelo Hospital Regional de Registro. Ele segue internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva).


Até o início da tarde dessa terça-feira (10), o estado de saúde era considerado grave. Ainda de acordo com o hospital, não há necessidade de novas cirurgias e Conrado “apresenta evolução com estabilidade do quadro clínico”, além da melhora progressiva da função renal.


O motorista da dupla sertaneja Conrado e Aleksandro é investigado por homicídio e lesão corporal dolosa na direção de veículo automotor, conforme divulgou a Polícia Civil do estado de São Paulo. Ao todo, 19 pessoas viajavam no ônibus, na Rodovia Regis Bittencourt, quando ocorreu acidente no último sábado (7). Aleksandro e outras cinco pessoas não sobreviveram.


Ainda de acordo com a polícia, alguns sobreviventes já prestaram depoimento. A investigação, até o momento, aponta que a banda saiu de Tijucas do Sul, no Paraná, com destino a São Pedro, no interior paulista, onde fariam show durante a noite.


No entanto, por volta das 10h30, no km 402 da rodovia, o motorista perdeu o controle do veículo. Outro motorista inclusive filmou momentos em que o ônibus passava pela rodovia e disse que ele estava correndo muito, chegando até a 140 km/h. As imagens viralizaram nas redes sociais.


Os bombeiros relataram que houve uma forte explosão, indicando que um dos pneus estourou e isso, possivelmente, levou a perda de controle da direção. O ônibus saiu da pista, caiu no canteiro central e tombou.


O cantor Luiz Aleksandro Talhari Correia, o Aleksandro, começou a carreira musical em Dourados, na região sul do estado, no ano de 2003, ao lado de Conrado Bardi de Jesus Bueno, o Conrado.


Com quase duas décadas de atuação, a formação original foi mudada em 2019 quando Conrado deixou a dupla. Em seu lugar, entrou , que também estava no ônibus.


Ao todo, 19 pessoas estavam no veículo, incluindo Conrado e Aleksandro. Além dos 6 óbitos, 11 vítimas foram encaminhadas aos prontos-socorros da região com ferimentos leves e outras duas pessoas não sofreram lesões.


A dupla de sertanejo universitário foi formada em 2003 em Dourados, distante aproximadamente 220 quilômetros de Campo Grande. Seus principais sucessos são "Efeito borboleta", "Bão Com Força", "Camionete Inteira" e "Põe no 120". Nas redes sociais, a dupla acumulava, até o último fim de semana, 375 mil seguidores somente no Instagram.


Com informações do Mídiamax

3 visualizações0 comentário