© 2018 Desenvolvido por Indoor Brasil

Diamante Fundo Transparente.png

Duas cidades de MS estão entre as dez mais quentes do País


Onda de calor que atinge o Estado não é novidade para nenhum sul-mato-grossense, que vem sofrendo com as altas temperaturas. No último fim de semana, Três Lagoas e Água Clara ficaram entre as dez cidades mais quentes do Brasil.


De acordo com informações do Instituto Nacional de Meteorologia, Três Lagoas ficou em segundo lugar no ranking, com 37,8º C, atrás somente de Jaguaribe (CE) com 38,6ºC. Água Clara ocupou a décima colocação com 36,8º C, neste domingo (16).


As temperaturas devem se repetir nos próximos dias, em todo Estado, nesta última semana de primavera. Vários locais continuam com temperaturas máximas entre 35°C e 39°C.


O aquecimento intenso ajuda a formar nuvens carregadas durante à tarde e noite e há risco de pancadas de chuva de forte intensidade. A chuva cai em pequenas áreas e será de curta duração.


Nesta terça-feira (18), municípios mais ao norte e oeste de Mato Grosso do Sul, incluindo a região de Corumbá, não deverão ter chuva. A atuação de um vórtice ciclônico em altos níveis da atmosfera, o VCAN, vai reduzir a possibilidade de chuva. Outras áreas do estado, inclusive Campo Grande, ainda terão chance de pancadas de chuva com raios.


Conforme o meteorologista Natálio Abrahão, 12 municípios atingiram temperaturas acima de 37º e, em todo o Estado, nenhuma cidade marcou menos de 31º. Porto Murtinho e outras 22 cidades tiveram sensação térmica de mais de 40º.


MS entrou em alerta devido aos raios UV máximos entre às 13h e 14h30. Ainda segundo o meteorologista, já é o dezembro mais quente e mais seco desde 2006.