• Diamante FM

Caixa irá ressarcir dinheiro que sumiu da conta


Muitos beneficiários do auxílio emergencial de R$ 600 têm reclamado de que o dinheiro ‘sumiu’ da conta, percebendo fraude. Neste caso, a Caixa Econômica Federal explica que o fato deve ser informado imediatamente, com registro de reclamação pessoalmente. A reclamação pode ser feita em qualquer agência da Caixa. Ao registrar a reclamação, o banco começa a investigar o que pode ter acontecido. No caso de confirmação de fraude, o valor será ressarcido.


O auxílio emergencial de R$ 600 foi criado para ajudar microempreendedores individuais (MEIs), trabalhadores informais, autônomos e desempregados durante a pandemia do novo coronavírus. Beneficiários do Bolsa Família também têm direito. Inicialmente pensado para pagar R$ 600 durante três meses, o auxílio deve ser estendido por mais duas parcelas, ainda sem valor definido.


Beneficiários vem relatando que o dinheiro para auxiliar durante a crise econômica, sumiu do Caixa Tem. A Caixa Econômica Federal alega que a sua área de segurança conta com monitoramento e mapeamento constante para impedir fraudes.


A maioria dos beneficiários teve o auxílio de R$ 600 depositado em conta da Caixa, criada automaticamente, e com possibilidade de movimentar, durante um determinado tempo, apenas pela conta, fosse para pagamento de boletos, cartão de débito virtual ou QR Code em maquininhas.


A orientação é de que o beneficiário faça um boletim de ocorrência para oficializar o dinheiro que sumiu. Com ele em mãos, será possível fazer a contestação em qualquer agência da Caixa, segundo o site Notícias e Conscursos.


O Ministério da Cidadania deu um prazo para liberação do calendário da 3ª parcela do auxílio emergencial no valor de R$600. De acordo com informações da pasta, o cronograma vai ser detalhado na “semana que vem”. O Ministério, comandado pelo ministro Onyx Lorenzoni, não se comprometeu em divulgar uma data específica para liberação do calendário.


No dia 18 de junho, o Ministério da Economia revelou que o total gasto com o auxílio emergencial, até o momento, já é de mais de R$ 81 bilhões. No valor já é considerado o pagamento da terceira parcela para os beneficiários do Bolsa Família. De acordo com informações da pasta, 63,5 milhões de brasileiros, levando em conta todas as categorias de beneficiários, receberam os recursos de R$ 600 ou R$ 1.200.

0 visualização
© 2020 Desenvolvido por Indoor Brasil
Logo Branca.png

Rua José Vieira Flores QD 18 L 9. Recanto Dos Pintados - Corguinho MS