• Diamante FM

Último dia para guias de turismo e microempreendedores se inscreverem para receber apoio financeiro

Atualizado: Out 6


Encerram nesta terça-feira (5), as inscrições para que guias de turismo e empresários ligados ao ramo recebam apoio financeiro do Governo do Estado.


O valor será de R$ 6 mil, que serão divididos em seis meses, recebendo mensalmente R$ 1 mil.


Podem participar da segunda etapa do programa Incentiva+MS Turismo guias de turismo, microempreendedores individuais e microempresas do setor do turismo.


Assim como restaurantes, bares, estabelecimentos especializados em servir bebidas, lanchonetes, casas de chá, de sucos e similares.


Serviços ambulantes de alimentação, operadores turísticos, agências de viagens, serviço de organização de feiras, congressos, exposições e festas.


Na primeira etapa, o benefício foi concedido a 609 pessoas. Nesta, a expectativa é que atenda 400 beneficiários.


De acordo com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), todos que não conseguiram fazer o cadastro na primeira etapa poderão fazê-lo.


É uma oportunidade para aquelas pessoas que por algum motivo não fizeram o cadastro, tiverem algum problema, um lapso temporal. Todos aqueles que preenchem os requisitos estabelecidos no programa e no decreto poderão se inscrever”, afirmou.


As inscrições podem ser feitas pelo site da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (FUNDTUR).


A comprovação das condições dos interessados em participarem do programa será realizada por meio da conferência de informações cadastrais nos bancos de dados dos órgãos oficiais pela análise de documentos pessoais e de registros apresentados pelo interessado.


A Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), por intermédio da FUNDTUR, será a responsável pela execução, coordenação e gerenciamento do Programa, observando a necessidade de comprovação.


Microempreendedores Individuais (MEIs) e as Microempresas (MEs) devem comprovar que exerciam atividades antes do Decreto Estadual de 19 de março de 2020, que declarou situação de emergência em razão da Covid-19.


Além de se encontrarem cadastrados no site eletrônico do Ministério do Turismo, por intermédio do sistema de cadastro de pessoas físicas e jurídicas que atuam na cadeia produtiva do turismo (Cadastur), em atuação comprovada, caso exerçam as atividades de Agência de viagem ou de Organizadora de evento;


Devem estar cadastrados no sítio eletrônico do Ministério do Turismo, por intermédio do sistema de cadastro de pessoas físicas e jurídicas que atuam na cadeia produtiva do turismo (Cadastur), com atuação comprovada;


E de que atuaram nos 12 meses imediatamente anteriores à edição do Decreto Estadual de 19 de março de 2020, o qual declarou situação de emergência em razão da pandemia por doenças infecciosas virais, Covid -19, no Estado de Mato Grosso do Sul.

3 visualizações0 comentário